prédio inspeção

Inspeção predial

A inspeção predial é uma vistoria que tem como objetivo analisar e checar todos os componentes e instalações do edifício, com algumas variações relacionadas à finalidade, tipo e porte dos condomínios. No post de hoje, falaremos um pouco mais sobre esse assunto. Confira abaixo!

O IBAPE (Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias em Engenharia) alerta para o maior risco desses incidentes entre os meses de junho e agosto, devido aos balões e fogos de artifício das festas caipiras, ressaltando a importância de medidas preventivas aos incêndios.

Infelizmente, é comum que as causas de incêndios nos prédios sejam curtos-circuitos, descargas elétricas e/ou falta de equipamentos que controlem os incêndios instaurados. E muitas dessas situações, que podem ter consequências graves, poderiam ser evitadas, com medidas simples.

Nesse sentido, a inspeção predial é uma vistoria técnica, realizada por engenheiros ou arquitetos especializados nessa área, que vistoriam as instalações do condomínio, de acordo com critérios como a idade, o tipo, tamanho e estado de conservação do imóvel.

Por exemplo, não é incomum encontrar extintores vencidos e mangueiras furadas nos prédios brasileiros. Esses problemas, de fáceis soluções, e que poderiam ser evitados com procedimentos de manutenção preventiva e periódica, podem representar um perigo muito sério.

Portanto, um profissional habilitado deve fazer um laudo da situação atual do prédio, atestando as mudanças que precisam ser feitas. Para prédios de até 10 anos de construção, aconselha-se que a inspeção seja feita a cada dois anos, sendo o síndico o encarregado de procurar pelo serviço.

Esperamos que tenhamos te ajudado com essas informações sobre esse assunto tão importante e que, às vezes, cai no esquecimento. Se você é síndico, verifique a situação do seu prédio, e, se não é, compartilhe essa matéria com seu síndico e ajude a manter tudo em ordem. 😉

Categoria: CONDOMÍNIOS

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigo por: nmundoblog